Isto Porque Mais Que Um Franqueado

Alguns anos antes de Ambrosia ressurgir, Zankuro desce a terra, em razão de se enamorara de uma mortal. Seu semblante demoníaco despertava respeito e ódio pelos habitantes da aldeia em que foi viver. Quem ousasse encarar as suas ordens eram falecidos. Dessa maneira, os habitantes o isolava. Mas um episódio marcou a sua vida: o nascimento do seu primeiro filho.

Na hora do nascimento da criancinha, a sua esposa acha que veio uma criança. Com pânico da reação do marido, Hisame Samira pediu para a parteira expor para Zankuro que teu primogênito era um rapaz. Batizou a criança com o nome de Hiroshi. Zankuro vibrou com o nascimento do “filho”.

Mas só a tua esposa e a parteira sabia que a moça era uma moça. Não podiam descrever para ele. Com o nascimento do filho, Zankuro estava construindo sentimentos humanos. As pessoas que antes o temiam, passaram a respeitá-lo e admirá-lo. Muitos construíram simpatia por ele. Quatro anos após o nascimento de Hiroshi, Samira engravida outra vez.

Após nove meses, veio um garoto, que recebeu o nome de Shizumaru Hisame. Ele recebeu esse nome por que nasceu em uma noite chuvosa. Ele vibrava. Deu uma celebração no vilarejo. Zankuro estava se convertendo um humano. Todos do vilarejo tornaram-se conhecido de Zankuro. Dois meninos era tudo o que ele pediu aos céus.

Mas, em uma noite chuvosa, Samira amamentava Shizumaru. Hiroshi entra na moradia todo molhado e Zankuro acha que teu primogênito era uma criancinha. Aquele samurai que antes estava montando sentimentos humanos estava voltando a ser aquela criatura demoníaca. Possuído pelo ódio, Zankuro pega a tua espada e mata Hiroshi, pra desespero de Samira.

Sentindo-se traído, Zankuro vira a espada pra Samira, que foge com Shizumaru. Ele a persegue e a mata pela frente de todos do vilarejo. Todos ficaram horrorizados com a cena. Movido pelo ódio, ele começa um genocídio e vai matando todos os habitantes um por um. Após reduzir os habitantes da aldeia, ele volta para o corpo de Samira e acha Shizumaru chorando.

Tocado pela cena, ele pega Shizumaru e coloca num cesto. Zankuro pega o cesto e escreve num papel o nome da moça e sai daquele vilarejo. Ao entrar num bambuzal, ele deixa o cesto da menina e foge. Prometeu a si mesmo que só mataria mais alguém se alguém o desafiasse. Ele viveu recluso num templo enquanto aguardava uma pessoa para desafiá-lo.

Muitos samurais tentaram eliminá-lo, contudo eram falecidos. Ninguém chegava aos pés dele. No dia seguinte ao abandono, o mestre Nicotine levou seus dois díscipulos, Haohmaru e Genjuro, pro bambuzal para ceder um sermão. Seu neto Gaira foi perto, pra entender bem como. Enquanto eles escutavam o sermão, a chuva caia fininha.

  • Lista de compras
  • Remuneração e CondiçõesVocê escolhe quanto quer escrever e obter
  • 6 – Megamatte – a partir de R$ setenta 1000 zoom_out_map
  • Brasil está no topo do ranking mundial de empreendedorismo
  • Slides (Slideshare)
  • Dietas Radicais Pra Perder gordura Rápido

No meio do sermão, Haohmaru ouve um choro de uma guria. Genjuro pediu pra que ele ficasse quieto e escutasse o sermão do mestre, todavia Haohmaru estava incomodado com o choro da guria. Ele se levanta e, ao percorrer um pouco, encontra o cesto com Shizumaru dentro. Ele pega o cesto e fala pro mestre se podia transportar a menina pro templo.

Nicotine só permitiu isso se o próprio Haohmaru cuidasse do moço. Haohmaru aceitou o estímulo e opta cuidar de Shizumaru. Os anos se passaram e Shizumaru crescia. Quando ele tinha 12 anos, ele encontra que Haohmaru era um guerreiro sagrado designado por Amaterasu pra derrotar a malévola Ambrosia. Depois que ele soube da derrota dela, Shizumaru passou a admirar Haohmaru e a treinar pra ser forte como ele. No ano seguinte, os guerreiros sagrados enfrentam mais uma vez Ambrosia, contudo ela é derrotada por Nakoruru. Shizumaru assim como cria uma carinho por ela e ela se torna a conselheira dele. Tudo que Haohmaru aconselhava para Shizumaru, Nakoruru corrigia com tato e bondade.